AMMA Contabilidade


Escritório de Contabilidade

Conheça-nos

Sobre a Empresa

AMMA Contabilidade e Assessoria Empresarial,  está no mercado há 15 (quinze) anos, e seus sócios com uma larga experiência de 25 (vinte e cinco ) anos de atuação na área de contabilidade o propósito de atender as necessidades organizacionais e gestão empresarial, direcionada para atender as pequenas e medias empresas. Temos a preocupação de mantermos nossas estruturas tecnológicas e colaboradores sempre atualizados para garatirmos uma prestação de serviços eficiente e segura com atendimento rápido.

VALORES

Ética, integridade, qualidade e comprometimento com nossos clientes internos e externos.

MISSÃO

Promover e preservar a legalidade de empresas, através de uma contabilidade comercial regular planejada e bem executada, obedecendo à legislação especifica e, ainda, disponibilizar instrumentos de controle gerencial, para que dispondo de informações, nossos clientes possam tomar decisões seguras e eficazes, caminhando em direção ao sucesso.

VISÃO

Ser uma empresa reconhecida pela sua excelência em qualidade pelos serviços prestados, com a qual os clientes sintam-se confiantes e satisfeitos.

Contrate Já!

Serviços Prestados


CONTABILIDADE

Registro, Escrituração e Emissão dos Livros Contábeis. Entrega dos Arquivos Digitais da RFB.

FISCAL

Registro, Escrituração e Emissão dos Livros Fiscais. Emissão de Guias, Geração de Impostos e Entrega dos Arquivos Digitais da SEF e RFB.

TRABALHISTA

Processamento da Folha de Pagamento. Emissão de Guias. Geração de Impostos e Entrega dos Arquivos Digitais para o INSS, CEF, RFB e MTB.

LEGALIZAÇÃO

Abertura, Encerramento, Alteração e Regularização de Empresas. Alteração e Baixa das Incrições nos Órgãos Públicos. Obtenção de Certidões Negativas.

Endereço Fiscal

Mais um serviço que está disponível para os atuais e futuros clientes, alugue agora mesmo um espaço virtual e contrate o seu endereço fiscal em até 24(vinte e quatro) horas com baixo custo e com a marca AMMA OFFICE CENTER, com um pequeno investimento oferecemos serviços de gerenciamento de correspondência e endereço fiscal, estamos instalados em uma das cidades que mais cresce no Distrito Federal.

Notícias


Bolsas europeias fecham em queda com crescimento de casos de Covid-19

Índice alemão DAX chegou a recuar 5% antes de reduzir algumas perdas e encerrar em queda de 4,2%. As ações alemãs sofreram sua pior sessão desde o início do mês de junho nesta quarta-feira (29), quando o governo concordou com um novo lockdown emergencial para combater o aumento de casos da Covid-19, com outros mercados europeus seguindo o exemplo, sob os temores de mais paralisações ao redor do continente. O índice alemão DAX chegou a recuar 5% antes de reduzir algumas perdas e encerrar em queda de 4,2%, para seu menor nível em cinco meses. As medidas precisas ainda estavam sujeitas a negociação, com fontes dizendo que o governo concordou em fechar bares e restaurantes a partir de 2 de novembro. O índice pan-europeu STOXX 600 recuou 3%, sua queda diária mais acentuada em cinco semanas. O principal índice da França teve queda de 3,4% antes de um discurso transmitido pela televisão pelo presidente Emmanuel Macron às 20h (16h, pelo horário de Brasília), quando se espera que ele emita ordens para ficar em casa. "Notícias de lockdowns renovados aumentarão as preocupações de crescimento na região, em um momento em que os indicadores de mobilidade já começaram a cair e os indicadores de pesquisa atenuaram", disse Mohammed Kazmi, gerente de portfólio da equipe de renda fixa da UBP. "Isso provavelmente levará a presidente do Banco Central Europeu, (Christine) Lagarde, a permanecer pessimista em seus comentários na coletiva de imprensa de amanhã, traçando o caminho para uma maior flexibilização em linha." Lagarde deve falar às 9h30 (pelo horário de Brasília) da quinta-feira. Segunda onda na Europa: Alemanha e França se preparam para anunciar novas restrições Diante disso, a Comissão Europeia propôs novas medidas tributárias e comerciais nesta quarta-feira para combater a pandemia na União Europeia, enquanto fontes afirmaram que a Alemanha pretende aumentar seus planos de endividamento no próximo ano para financiar novas medidas de alívio ao coronavírus. Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 2,55%, a 5.582 pontos. Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 4,17%, a 11.560 pontos. Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 3,37%, a 4.571 pontos. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 4,06%, a 17.897 pontos. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 2,66%, a 6.474 pontos. Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 2,23%, a 3.888 pontos. Assista as últimas notícias de economia



Bolsonaro sanciona lei que prorroga incentivos fiscais para montadoras


Segundo a Secretaria-Geral, texto será publicado entre até quinta-feira (29) no Diário Oficial da União. O presidente Jair Bolsonaro decidiu sancionar integralmente a lei sobre a prorrogação de incentivos fiscais destinados ao desenvolvimento das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, envolvendo montadoras de veículos ou fabricante de autopeças. Segundo a Secretaria-Geral da Presidência, o texto será publicado entre esta quarta (28) e quinta-feira (29) no Diário Oficial da União. Texto será publicado entre até quinta-feira (29) no Diário Oficial da União. Divulgação/MAN O benefício para as empresas habilitadas ao regime se dá por meio de crédito presumido do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), como ressarcimento das contribuições para o Programas de Integração Social e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PIS/Pasep) e da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins). A medida é decorrente da conversão em lei da Medida Provisória 987/2020. O texto sancionado também contempla a possibilidade de prorrogação do aproveitamento dos créditos presumidos do IPI de 31 de dezembro de 2020 para 31 de dezembro de 2025, destinados a empresas instaladas nas mesmas regiões. A Secretaria-Geral informou ainda que, em respeito à Lei de Responsabilidade Fiscal, como medida de compensação para a essa prorrogação do aproveitamento dos créditos do IPI, o Imposto sobre Operações de Crédito e Câmbio e Seguro ou relativas a Títulos ou Valores Mobiliários (IOF) incidirá sobre as operações de crédito praticadas com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO), na forma da lei então sancionada. Vídeos: Veja as últimas notícias de economia



Visa adquire controle da fintech YellowPepper, que atua na América Latina

Fintech opera uma plataforma que permite que emissores, processadores e governos tenham acesso rápido e seguro a fluxos de pagamento por meio de uma única conexão. A Visa informou que adquiriu o controle da fintech YellowPepper, que atua em nove países da América Latina e Caribe, incluindo o Brasil. A companhia já havia feito, em 2018, um investimento minoritário na fintech, que opera uma plataforma com uma ampla gama de APIs para permitir que emissores, processadores e governos tenham acesso rápido e seguro a diversos fluxos de pagamento por meio de uma única conexão. Visa compra ‘fintech’ Plaid por US$ 5,3 bilhões A aquisição da YellowPepper acelera a estratégia da Visa em transformar-se na “rede das redes”, já que irá reduzir o time-to-market de emissores e processadores, e os custos para acessarem soluções inovadoras e interoperáveis. Eduardo Coello, presidente regional da Visa para América Latina, diz que a tecnologia da YellowPepper funciona como um adaptador universal, o que ajudará na estratégia da companhia de se tornar um ponto único de acesso para iniciar qualquer tipo de transação. Serge Elkiner continuará como CEO da YellowPepper. A transação ainda depende de aprovação das autoridades regulatórias. VÍDEOS: Últimas notícias de Economia



Lucro da Mastercard fica abaixo de estimativas


Lucro líquido caiu 28% para US$ 1,5 bilhão, ou US$ 1,51 por ação, no terceiro trimestre. A Mastercard divulgou nesta quarta-feira (28) lucro trimestral abaixo das estimativas de analistas, uma vez que a pandemia de Covid-19 levou a uma desaceleração nas viagens globais e gastos relacionados. O lucro líquido caiu 28% para US$ 1,5 bilhão, ou US$ 1,51 por ação, no terceiro trimestre. Excluindo itens, o lucro foi de US$ 1,60 por ação, ficando abaixo das estimativas de US$ 1,66, de acordo com dados IBES da Refinitiv. Mastercard teve lucro abaixo do esperado Reuters A pandemia forçou as empresas a demitir milhões de funcionários, prejudicando seu poder de compra, e o impacto nas viagens aéreas também afetou o volume de transações com cartões internacionais. A Mastercard reportou queda de 36% no volume internacional em moedas locais no trimestre. O volume bruto em dólares aumentou 1%, para US$ 1,6 trilhão. Os volumes internacionais da processadora de pagamentos continuaram caindo desde o final do trimestre, com todas as três primeiras semanas de outubro registrando quedas de mais de 30%, de acordo com uma apresentação a investidores. "Estamos vendo um progresso encorajador na trajetória dos gastos domésticos, enquanto os gastos com viagens continuam sendo um desafio", disse o presidente-executivo Ajay Banga em comunicado. As despesas operacionais totais da Mastercard caíram 4% para US$ 1,7 bilhão no trimestre. Assista as últimas notícias de economia



Concursos públicos e processos seletivos estão com inscrições abertas em três cidades do Oeste Paulista


Há oportunidades para professores da educação básica e ensino superior, e para preceptores. Em Presidente Prudente, o prazo para se inscrever vai até a próxima terça-feira (3). Unesp Presidente Prudente, Universidade Estadual Paulista, campus de Presidente Prudente Heloise Hamada/G1 Presidente Prudente, Álvares Machado e Adamantina estão com inscrições abertas para concursos públicos e processos seletivos. As remunerações variam entre R$ 900,31 e R$ 6.510. Os interessados devem se inscrever pela internet. Presidente Prudente A Universidade Estadual Paulista (Unesp) abriu concurso público para contratação de professor substituto no campus de Presidente Prudente. O profissional contratado deverá exercer atividades de docência em cursos de graduação, nos períodos diurno e/ou noturno, no Departamento de Planejamento, Urbanismo e Ambiente da Faculdade de Ciências e Tecnologia, em jornada de trabalho de 12 horas semanais, com salário mensal no valor de R$ 900,31, segundo o edital. Os interessados devem realizar as inscrições pelo site até o dia 3 de novembro. Álvares Machado A Prefeitura de Álvares Machado divulgou a formação de cadastro reserva destinados a profissionais de ensino superior. Conforme o edital, as oportunidades disponíveis são para professores - PEB II em: educação especial, artes, ciências, educação física, geografia, história, inglês, matemática, português, professor de Emei - creche e Professor de Ensino Básico - PEB I. O salário base ofertado é de R$ 1.916,87. A jornada de trabalho será de 30 horas semanais. As inscrições podem ser feitas pelo site até o dia 8 de novembro. Adamantina O Centro Universitário de Adamantina (Unifai) também está com inscrições abertas para concurso público. O objetivo é a contratação de preceptor. Conforme o edital, serão preenchidas duas vagas. Para concorrer, é necessário a graduação em medicina e registro no Conselho Regional de Medicina (CRM). O profissional contratado deverá desempenhar atividades em carga horária de 20 horas semanais e será beneficiado com remuneração no valor de R$ 6.510,00 ao mês. As inscrições devem ser feitas pela internet até o dia 16 de novembro. Veja mais notícias em G1 Presidente Prudente e Região.



Pobreza se aproxima da classe média dos EUA em meio à pandemia


Dezenas de milhões de americanos ficaram desempregados como resultado da pandemia que atingiu a maior economia do mundo. Quando a pandemia de covid-19 varreu os Estados Unidos, Keith continuou com seu emprego no setor de serviços financeiros, mas sua renda secou à medida que as comissões cobradas começaram a diminuir. Estrangulado financeiramente, Keith começou a depender de comida distribuída por uma instituição de caridade em Bethesda, na periferia de Washington. "Tentamos economizar no que podemos", disse Keith, de 52 anos, à AFP, pedindo para não ser identificado pelo sobrenome. "Não quero mais do que preciso. Se não tiver que vir todas as semanas, não venho", acrescenta. Distribuição de comida em Bethesda, nos EUA Delphine Touitou/AFP Dezenas de milhões de americanos ficaram desempregados como resultado da pandemia que atingiu a maior economia do mundo. Uma semana antes das eleições de terça-feira, um estudo da Universidade Columbia mostrou que a pobreza começou a aumentar nos Estados Unidos à medida que diminuíram os efeitos dos trilhões de dólares injetados para impulsionar a economia quando o coronavírus estourou. Resta saber se os danos econômicos impedirão a reeleição do presidente republicano Donald Trump em favor do democrata Joe Biden. De qualquer forma, a classe média americana está em risco. "Esta é a primeira vez que venho pedir comida porque não tenho outra escolha", disse Joe, 40 anos, ao receber alimentos no centro de caridade Bethesda. Joe perdeu o emprego em abril. 'Do outro lado' Localizado ao norte da capital americana, o condado de Montgomery, Maryland, é uma das áreas mais ricas do país, mas mesmo em cidades como Bethesda existem enormes lacunas na riqueza. Anne Derse, diácona da Igreja Episcopal de São Jorge, administra um programa de entrega gratuita de comida. Ela conta que cerca de 65.000 pessoas viviam em situação de insegurança alimentar antes da pandemia. Agora, são 95.000. "Enquanto as condições econômicas não melhorarem, a quantidade continuará crescendo", afirma. Os voluntários têm recebido quase o dobro do número de pessoas esperado, e a comida geralmente acaba em menos de uma hora. No Capital Area Food Bank, uma entidade que atende aos necessitados em grande parte de Washington e seus subúrbios, sua presidente, Radha Muthiah, disse que antes da pandemia o número de pessoas que eram auxiliadas era de 400.000, mas hoje alcança 650.000. A demanda aumentou muito nos condados de Montgomery e Fairfax, duas áreas normalmente consideradas prósperas, mas onde, diz Muthiah, a onda de desemprego aumentou o número de pessoas que precisam de alimentos. Com o agravamento da pandemia, o Congresso aprovou US$ 3 trilhões em medidas de ajuda econômica para mitigar seu impacto. Isso incluiu a extensão do seguro-desemprego e empréstimos e garantias para pequenas empresas para salvar empregos. O estudo da Universidade Columbia mostrou que a ajuda foi tão eficaz que reduziu a taxa de pobreza de 10,5%, registrada oficialmente em 2019, que foi a menor em 60 anos. No entanto, grande parte da ajuda expirou nos últimos meses e o estudo indicou que oito milhões de pessoas se somaram aos 34 milhões de pobres no ano passado. A Assista as últimas notícias de economia



Empresa de tecnologia abre 22 vagas de emprego em Campinas; veja os cargos


As oportunidades são para profissionais da área de TI e exigem formação superior na área. Campinas tem vagas de emprego na área de tecnologia da informação Carlos Bassan/Prefeitura de Campinas A HST, empresa de tecnologia da informação especializada em ecossistema de pagamentos, está com 22 vagas de emprego abertas na sede de Campinas (SP), conforme a empresa divulgou nesta terça-feira (27). Os interessados podem obter mais informações e se inscrever pelo site. As oportunidades são para profissionais da área de TI e exigem formação superior na área. Por conta da pandemia do novo coronavírus, a concessionária está trabalhando de forma remota. Veja, abaixo, a lista de cargos: Especialista em segurança da informação Analista de experiência do usuário (UX) Analista de sistemas (operações) Analista de infraestrutura com foco em virtualização Analista de infraestrutura com foco em monitoração Analista de desenvolvimento mobile Analista de implantação de projetos Analista de desenvolvimento java Analista de desenvolvimento full stack Analista de desenvolvimento C/C++ Os candidatos contratados devem ter acesso aos seguintes benefícios: Horário flexível Contratações em regime CLT Oportunidade de crescimento, através do contínuo desenvolvimento, tanto técnico quanto pessoal Plataforma de cursos on-line (Alura) Participação nos Lucros e Resultados Gympass Convênio médico Convênio odontológico Vale Alimentação/Refeição Vale-transporte Auxílio-creche Seguro de vida PLAYLIST: Veja vídeos de assuntos de destaque na região de Campinas Veja mais oportunidades da região no G1 Campinas



Instagram muda regras para fotos de seios após protesto de influenciadora plus size


Modelo do Reino Unido iniciou campanha depois de ter publicação removida, contestando as decisões da rede social de manter imagens similares de mulheres magras. Mudança nas políticas sobre exibição parcial de seios vale a partir desta quarta-feira (28). Reuters O Instagram atualizou sua política sobre exibição parcial de seios nesta quarta-feira (28). A rede social não vai mais remover imagens de seios femininos nus caso a pessoa esteja "abraçando, acariciando ou segurando seus seios". A alteração aconteceu depois que uma influenciadora digital plus size do Reino Unido, Nyome Nicholas-Williams, iniciou um protesto afirmando que suas fotos eram derrubadas, enquanto o mesmo não acontecia com publicações parecidas de mulheres magras. Um abaixo-assinado promovido por Nicholas-Williams reuniu mais de 22 mil assinaturas, e a hashtag #iwanttoseenyome (eu quero ver Nyome, em tradução livre do inglês) ganhou força nas redes sciais. O Instagram reconheceu que o protesto da influenciadora motivou as alterações. "Estamos atualizando nossas políticas para evitar que imagens de corpos gordos e maiores sejam removidas erroneamente", disse a empresa. Significados de 'patroa' e 'mulher-solteira' mudam no Google depois de críticas de Anitta e Luísa Sonza Google lista 'prostituta' entre principais significados para 'professora' e verbete é alterado após repercussão Influenciadora Nyome Nicholas-Williams comemora alteração das políticas do Instagram depois de seu protesto. Reprodução/Instagram A plataforma disse que publicações com seios sendo apertados não são permitidos porque "isso costuma ser comumente associado a conteúdo pornográfico". Porém, admitiu que a aplicação desta política pode levar a erros, "especialmente com relação à comunidade de Body Positive e corpos gordos e maiores". A companhia afirmou que "se houver dúvidas sobre o conteúdo", a instrução para os revisores de conteúdo é que ele não seja removido. Imagens que mostrem "movimento de agarrar com os dedos dobrados e onde há uma clara alteração no formato dos mesmos" ainda violam as regras. Veja os vídeos mais assistidos do G1



Governo libera o registro de 16 agrotóxicos genéricos para uso dos agricultores


Do total, são 13 pesticidas químicos e 3 biológicos. São 343 registros publicados no Diário Oficial em 2020. Aumenta quantidade de agrotóxicos liberados pela Anvisa; Mogi tem programa para conscientizar agricultores Reprodução/TV Diário O Ministério da Agricultura publicou nesta quarta-feira (28) a liberação de mais 16 agrotóxicos genéricos para o uso dos agricultores. Já são 343 novas autorizações publicadas em 2020 (veja mais abaixo). Do total, segundo o ministério, são 13 agrotóxicos químicos e 3 biológicos, que são aqueles que podem ser utilizados tanto em lavouras comerciais quanto na produção de alimentos orgânicos, por exemplo. Pela legislação brasileira, tanto produtos biológicos utilizados na agricultura orgânica quanto químicos utilizados na produção convencional são considerados agrotóxicos. Entre os destaques, está um registro para um pesticida à base de atrazina, 5º defensivo mais vendido no país. Muito comum na cultura do milho, o agrotóxico é o 6º mais vendido nos Estados Unidos, que é o principal produtor mundial do grão. Na União Europeia, ele foi banido por estar associado à contaminação de lençóis freáticos. Já entre os biológicos, os registros são para microrganismos como o Bacillus amyloliquefaciens e Trichoderma harzianum que atuam no controle de pragas como o fungo Rhizoctonia solani, que causa a doença podridão-radicular e também combate o percevejo marrom, uma praga importante da soja. Registros no ano Ao todo, são 343 registros de novos agrotóxicos em 2020, segundo publicações no Diário Oficial da União, que é por onde o G1 se baseia. Desde 2005, quando o governo começou a compilar os dados de registro de pesticidas, 2020 perde apenas para 2019 – ano em que o país teve liberação recorde de agrotóxicos. Registro de agrotóxicos no Brasil até o dia 28 de outubro Arte G1 Até agora, são 5 princípios ativos inéditos no ano: 4 pesticidas biológicos e 1 químico. Os outros 338 registros são de genéricos, sendo: 159 ingredientes químicos de agrotóxicos que são vendidos aos agricultores; 59 pesticidas biológicos vendidos aos agricultores; 120 princípios ativos para a indústria formular agrotóxicos. Novo método de divulgação Neste ano, o governo alterou o método para anunciar a liberação de agrotóxicos. Até 2019, o Ministério da Agricultura divulgava a aprovação dos pesticidas para a indústria e para os agricultores no mesmo ato dentro do "Diário Oficial da União". Por que a produção de alimentos depende tanto de agrotóxicos? STF suspende portaria que abria espaço para registro automático de pesticidas A série histórica de registros, que apontou que 2019 como ano recorde de liberações, levava em conta a aprovação dos dois tipos de agrotóxicos: os que vão para indústria e os que vão para os agricultores. Como reduzir os resíduos de agrotóxicos antes de comer frutas, legumes e verduras Em nota, o Ministério da Agricultura explicou que a publicação separada de produtos formulados (para os agricultores) e técnicos (para as indústrias) neste ano tem como objetivo "dar mais transparência sobre a finalidade de cada produto". "Assim, será mais fácil para a sociedade identificar quais produtos efetivamente ficarão à disposição dos agricultores e quais terão a autorização apenas para uso industrial como componentes na fabricação dos defensivos agrícolas", completou o ministério. Como funciona o registro O aval para um novo agrotóxico no país passa por 3 órgãos reguladores: Anvisa, que avalia os riscos à saúde; Ibama, que analisa os perigos ambientais; Ministério da Agricultura, que analisa se ele é eficaz para matar pragas e doenças no campo. É a pasta que formaliza o registro, desde que o produto tenha sido aprovado por todos os órgãos. Tipos de registros de agrotóxicos: Produto técnico: princípio ativo novo; não comercializado, vai na composição de produtos que serão vendidos. Produto técnico equivalente: "cópias" de princípios ativos inéditos, que podem ser feitas quando caem as patentes e vão ser usadas na formulação de produtos comerciais. É comum as empresas registrarem um mesmo princípio ativo várias vezes, para poder fabricar venenos específicos para plantações diferentes, por exemplo; Produto formulado: é o produto final, aquilo que chega para o agricultor; Produto formulado equivalente: produto final "genérico". VÍDEO: veja mais notícias sobre agrotóxicos Initial plugin text



Contato


""

(61) 3435-5285

AMMA Contabilidade e Condomínios LTDA